Contacto
Comboios

Túnel de Schieburg. Ministro admite "mal-entendido" e garante reabertura a 11 de dezembro

Esta terça-feira no Parlamento, François Bausch afirmou que não havia razão para assumir que a linha iria abrir nesse dia, mas esta manhã o governante retificou as declarações e mantém a data prevista.

© Créditos: Guy Jallay

Fonte: Redação

O túnel de Schieburg deverá mesmo abrir a 11 de dezembro. O ministro François Bausch esclareceu esta manhã que as declarações que fez menos de 24 horas antes, no Parlamento, foram um "mal-entendido".

Ler mais:Túnel de Schieburg. Linha vai ficar fechada mais tempo do que o previsto

Em resposta aos deputados, o governante tinha dito que "não há razão para assumir que a linha vai abrir de novo a 11 de dezembro". Mas hoje, segundo a RTL, Bausch disse que essa afirmação foi afinal um "mal- entendido", pelo que se mantém a data - inicialmente apontada pelo CFL - para a retoma da circulação neste troço.

A rota encontra-se encerrada desde 28 de agosto, depois de parte da estrutura do túnel ter desabado.

Ler mais:Túnel de Schieburg. "Quando o comboio desaparece, a aldeia parece que morre"

No encontro com os deputados na terça-feira, o ministro referiu ainda que os trabalhos de reparação do túnel deverão começar na próxima semana. Mas antes disso "é preciso perceber o nível de estabilização que é necessária no túnel", explicou, garantindo que o governo está empenhado em "apoiar as pessoas que foram afetadas" por esta interrupção na circulação ferroviária entre Kautenbach e Clervaux.